Ser psicanalista é….

Olá amigos é um prazer estar com vocês aqui novamente. Hoje decidi escrever um pouco sobre a profissão de psicanalista, profissão esta que escolhi com a alma, e explicar um pouco sobre como foi minha caminhada até aqui.

Desde sempre sentia dentro de mim uma necessidade de fazer algo mais, mas não sabia e não entendia o que e o porquê. Nas idas e vindas da vida, passei por trabalhos administrativos, de vendas, assistente de dentista… até curso de prótese dentária eu fiz (sem habilidade manual nenhuma rsrs).

Fiz curso de administração e lá me encantei pela comunicação, optando por fazer faculdade e pós-graduação nesta área. Agradeço muito a Deus por esse momento especial da minha vida, onde descobri o gosto pela escrita, que me impulsionou a escrever meu próprio blog.

Trabalhando na área da comunicação, aquela insatisfação inicial de que algo estava faltando voltou com toda força. Tentava justificar pra mim mesma que o que eu fazia ajudava muitas pessoas, mas no fundo eu sabia que precisava de algo mais. Foi quando fui convidada a assistir uma palestra na escola onde me formei (WCCA Psicanálise) e aí aconteceu. Foi ali, naquela sala com 30 convidados, em uma palestra sensacional sobre Édipo, que eu escolhi e encontrei o que me faltava: a psicanálise.

No dia seguinte já fiz a minha inscrição, era dezembro e eu tive que conter a minha animação, pois o curso começava em março. E então chegou o grande dia. Amei tudo e todos desde o primeiro encontro, cada palavra expressada pelos professores fazia com que aquela certeza se concretizasse mais e mais. Eu tinha encontrado o meu caminho.

Foram 3 anos de muito estudo, dedicação e transformação. Passei (juntamente com meus amigos) por um processo de autoconhecimento muitas vezes doloroso, mas fundamental para a profissão e para a vida. Ver a mudança em cada rosto e o amadurecimento da turma trouxe uma sensação de realização.

A partir do segundo ano comecei meu atendimento, inicialmente acompanhada por uma supervisora e depois sozinha, sob a supervisão da minha terapeuta. E o que posso dizer dessa jornada, simplesmente que é sensacional.

Ser psicanalista é tudo que eu buscava e precisava pra minha vida. Ajudar o outro a enxergar-se e trabalhar a sua mudança de percepção de vida não tem preço. Cada pessoa uma história, cada vida uma ferida que pode se cicatrizar e tornar-se símbolo de vitória. Ser psicanalista é uma benção divina e uma responsabilidade sem precedentes.

Cada uma das pessoas que adentra o consultório traz com ela um pouco de nós, o Universo é maravilhoso e não erra. Com cada um aprendemos mais do que eles podem imaginar. Com cada um vamos descobrindo a nós mesmos, respeitando mais o tempo do outro, os seus desejos, as suas frustrações, as suas dores. Mas principalmente, com cada um deles aprendemos o amor, de diversas formas, e com a humildade necessária que a profissão exige, agimos sem a pretensão de resolver nada por ninguém, mas de estar sempre disposto a mostrar que a felicidade depende e está dentro de cada um de nós.

Um grande beijo no coração de cada um de vocês e uma semana cheia de amor e paz.

Meditação

58. Ele nos assegura que devemos amá-los afetiva e empaticamente os outros; sentindo o que eles sentem, compreendendo que muitas vezes, naquele momento eles não podem nos dar algo diferente.

2 comentários em “Ser psicanalista é….

Adicione o seu

  1. Nossa jornada apenas começou, minha amiga irmã e colega psicanalista mais linda! Tenho certeza que você vai iluminar os pensamentos de muitos pacientes! Que sejamos instrumentos de Deus nessa transformação. Amo você!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: