A dor é necessária

Olá amigos, é muito bom escrever pra vocês novamente!

Hoje vou falar sobre dor e o quanto ela é fundamental no nosso crescimento. Muitas vezes nos perguntamos o que viemos fazer aqui, porque existimos, e a resposta é simples e direta: viemos aqui para evoluir. E como evoluímos?

Só conseguimos evoluir quando somos testados. E o teste é doloroso. É na dor que temos a oportunidade de desenvolver a paciência, a tolerância e a resignação.

Então quer dizer que nascemos para sofrer? Claro que não! A dor é obrigatória e real, mas o sofrimento é opcional. Todos os dias e em todas as vezes que nos desequilibramos temos a oportunidade de escolher de que forma vamos encarar essa dor.

Podemos encarar uma dor física chorando, sofrendo, reclamando e nos colocando como vítimas. A dor vai piorar. Ou podemos escolher enfrentar essa dor que é real com outros olhos, tentando entender o que ela veio trazer, o que ela quer me mostrar. Por que eu atrai e criei determinada doença? O que eu deixei de falar e fazer, onde estou agindo em desacordo com a o que penso, o que sinto e o que faço? Como posso ser uma pessoa melhor em determinada relação ou situação?

São estes desequilíbrios que causam as maiores dores.

Não temos como não sentir a dor física, nem a dor emocional de uma perda por exemplo. Mas temos como decidir o que faremos com ela. Nos colocaremos como vítimas indefesas, injustiçados pela vida, por Deus e pelo mundo ou começaremos a buscar a nossa parte em tudo isso.

É na dor da perda que aprendermos a crescer com o desapego, é na dor física que aprendemos a ser mais humildes e aceitar a ajuda do outro, é na dor de uma saudade que aprendemos o verdadeiro amor, que deixa ir quando é preciso. É na dor das decepções com os outros que aprendemos que não podemos colocar a nossa felicidade fora de nós. E é na dor das decepções com a gente mesmo que entendemos que não somos perfeitos. Ou seja, a dor nos faz crescer.

Na dor despertamos todos os nossos sentimentos mais ruins e profundos que temos que abraçar e transformar em luz. Na dor conhecemos nossa maldade, nossa agressividade, nosso egoísmo, nossa fraqueza. E é nela que temos a oportunidade de escolher sermos melhores e evoluir.

Pense em como anda enfrentando as dores da sua vida. Não dê força a ela, descubra a força que você tem através dela. Escolha ser feliz, escolha aprender com ela, escolha agradecer a ela por mostrar onde você precisa trabalhar mais.

Um grande beijo no coração de cada um de vocês e até a próxima!

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: