Liberte-se das sombras

candle-335965_640

Todos nós temos dois níveis de consciência, a egocêntrica e a empática, sendo que geralmente a egocêntrica é preponderante. Como seres em evolução, nossa meta é transformar as nossas sombras, para que possamos ser cada vez mais empáticos e mais próximos do nosso verdadeiro eu, que é amor.

Mas o que são sombras?

Este termo foi utilizado pelo psiquiatra e psicoterapeuta Carl Gustav Jung e tem o mesmo significado do recalque de Freud. Diferentemente do pai da psicanálise, Jung acreditava em Deus e teve grande parte dos seus estudos voltados para a parte espiritual, misticismo e religiosidade, um dos fatores que o afastou de Freud.

Segundo Jung, a sombra é a nossa parte escura que se encontra inconsciente, mas que afeta grandiosamente toda a nossa vida. Na verdade, elas fazem parte do nosso eu que não queremos ver, por medo do enfrentamento e também de sair da zona de conforto em que muitas vezes nos colocamos.

Acontece que fomos “programados” para fazer com que estas sombras se tornem luz, e isso ocorrerá por bem (pela conscientização) ou por mal (pela dor), mas cada um tem o livre arbítrio para escolher como.

Todos nós, sem exceção, temos no fundo do nosso eu todos os sentimentos de amor, que estão latentes, esperando para serem potencializados. Além disso, temos impulsos primitivos que trazemos dos nossos ancestrais que, quando não aceitos e trabalhados podem nos levar às doenças psicossomáticas, que afetam nossa mente e corpo.

Estes impulsos primitivos, somados com nossos desejos, lembranças, emoções, mágoas, tristezas, culpas, estão guardados nesse mundo interior chamado inconsciente, e têm o grande poder de nos fazer sofrer. Aceitar-se como é e trabalhar o que incomoda é um desafio, que muitos ainda não estão preparados para assumir.

Trazer estes conteúdos para a superfície é trazer para a luz, é crescer, amar-se, é aprender a ser feliz sem esperar do outro, é tornar-se único e fazer a transformação de uma consciência egocêntrica em empática.

Saiba que tudo que te incomoda no outro é algo que precisa ser trabalhado em você. Quando se irritar com algo ou alguém abra os olhos da alma e veja se lá no fundo, o problema não é seu. Lembre-se que quando apontamos um dedo para o outro, temos quatro apontados para nós. Já pensou nisso?

O outro é importante para a nossa evolução. Sem ele não teríamos o atrito necessário para nos lapidar, e tirar toda a casca que protege o amor que temos em nós.  O outro nos testa, nos provoca e nos faz balançar na nossa eterna capacidade de não nos mostrar como realmente somos.

Mais cedo ou mais tarde teremos que nos encarar de frente e perceber que somos egoístas, ciumentos, agressivos. Perceberemos que nutrimos sentimentos de superioridade e inferioridade, que mantemos relacionamentos por ganhos e que na grande maioria das vezes agimos com falsidade e hipocrisia, colocando nossas máscaras diárias para esconder o que é verdadeiro.

Todos nós temos algo que não queremos que seja descoberto afinal, somos imperfeitos, mas cabe a cada um fazer suas escolhas conscientemente e assumir as consequências delas, sem culpar o outro pela sua infelicidade, já que ela é responsabilidade única e exclusiva sua.

Vamos tornar este mundo mais iluminado, começando por transformar nossas sombras em luz, pois a casa, o bairro, a cidade, o país, o continente, o mundo não é feito dos outros, é feito de cada indivíduo, e do que ele tem de luz para compartilhar.

Uma ótima semana de paz para todos!

 

Meditação

5. Se o outro está mal humorado, compreenda o estado de espírito dele e se possível adie a conversa para mais tarde.

6 comentários em “Liberte-se das sombras

Adicione o seu

  1. Oie Aninha!!! Parabéns pelo blog ,sempre que posso leio suas reflexão e acho otimas pois nos faz pensarmos em nossa vida como um todo.comportamento,como lidar com conflitos internos…muito bom!!Grande Beijo ! Saudades !! Selma

  2. Bom dia Ana, texto esclarecedor, já estou repassando prá várias pessoas. Obrigada, beijo!

  3. Olá Ana,
    Gostei imensamente do segundo texto. Muito bom saber um pouco mais sobre Jung e seu pensamento.
    Parabéns pelos textos e pela iniciativa de ajudar aos outros através desse blog.
    Desejo muita luz para você!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: